Capítulo Salinas, em MG, lidera o ranking geral do Capítulo Padrão Nacional
04 julho, 2019

Capítulo Salinas, em MG, lidera o ranking geral do Capítulo Padrão Nacional

BY / 2 meses atrás

O Capítulo Salinas nº 250, em Salinas, distante 641 km de Belo Horizonte, é o atual líder das atividades administrativas do Capítulo Padrão Nacional (CPN) desse ano com 9.200 pontos. O segundo colocado está o Capítulo Cavaleiros de um Novo Tempo nº 205 (Cuiabá-MT) com 9.000 pontos, seguido pelo Capítulo Torre de Vigia nº 809 com 8.500 pontos, do município de Almenara, também de Minas Gerais.

O Capítulo Salinas nº 250 participa deste programa desde a sua criação em 2011. O melhor resultado conquistado a nível nacional foi o 15º lugar no ano passado.

O CPN é um programa baseado no antigo Capítulo Padrão, (CP) criado em 2011 pelo Grande Capítulo do Estado de Minas Gerais (GCE-MG), onde foi adotado, posteriormente, por diversos estados até o ano de 2016.

Em 2017, na gestão do Mestre Conselheiro Nacional, do Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil, (SCODB), Irmão Leonardo Rovilson, o CPN foi instituído como Projeto de Excelência Capitular, tendo como primeiro gestor o Irmão Daniel Zaiden, atual Mestre Conselheiro Estadual, do Grande Capítulo do Estado de Mato Grosso (GCE-MT).

O CPN, tem como o objetivo principal incentivar de forma devida e coerente as práticas administrativas da gestão da instituição capitular. Atualmente o projeto está sob a coordenação do gestor, Irmão Gabriel Endrigo, membro do Gabinete Nacional da Liderança Juvenil do SCODB e Ex – mestre conselheiro regional do meio oeste catarinense.

Esse projeto começa sempre em janeiro de cada ano e termina na primeira semana de novembro, dentro Congresso Nacional da Ordem DeMolay (CNOD) onde são divulgados os seus respectivos vencedores. Os três primeiros colocados ganham troféus e regularização anual perante ao SCODB, para os DeMolays ativos e também para os Membros do Conselho Consultivo e mais medalha para o estandarte

Por: Lucas de Azevedo – Jornalista

Foto cedida para divulgação

RESPONDER

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *