Família Mansur escolhe os três ganhadores de concurso

Publicado em 10/11/2012 e alterado em 13/08/2013 | Categorias: SCODB | Publicado por: Corazza

A família do fundador da Ordem DeMolay no Brasil, Tio Alberto Mansur, decidiu quem são os três ganhadores do concurso “Minha foto com o Tio Mansur”, promovido pelo Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil (SCODB). As fotos enviadas pelos irmãos Eron Greco Melo, Thayson Boaventura Moreira e Jean Ferreira Fachin foram as escolhidas.

Os demolays e escudeiros regulares puderam enviar uma foto eternizando um momento vivido com o Tio Alberto Mansur do dia 07 de setembro até o dia 30 do mesmo mês. Ao todo, 30 retratos foram encaminhados para o e-mail do concurso e foram submetidos a votação. Na fase final, as 10 imagens mais votadas foram juguladas pela Tia Célia Mansur, pelo Irmão Jorge Mansur e por Cristina Mansur.

A foto que ficou em primeiro lugar foi encaminhada pelo Irmão Eron Greco Melo, do Capítulo União de Divinópolis nº 413. Na mensagem justificando a importância da imagem, Eron diz: “Nosso estimado Tio Mansur nos ajudando, pobres DMs, a sobrevivermos no congresso”. O retrato foi tirado no dia 11 de outubro de 2008.

De acordo com o Irmão Jorge Mansur, a primeira colocada caracteriza de forma bem direta “a relação carinhosa e sempre bem humorada do meu pai com os meninos da Ordem”. Jorge destaca ainda a humildade de seu pai. “Ele poderia ter se negado a participar da ‘brincadeira’. Afinal, com todos os títulos que tinha, além do de fundador da Ordem, participar poderia ser ridículo. Mas não. Despido de qualquer vaidade supérflua, tirou a foto dando um exemplo de humildade”, destaca. Por fim, Jorge diz que “a foto serve também para iniciar uma nova campanha de arrecadação de fundos para a construção da nova sede e do museu Alberto Mansur”.

Em segundo lugar está a imagem encaminhada pelo irmão Thayson Boaventura Moreira, Mestre Conselheiro Regional da Terceira Região de Minas Gerais. A imagem eterniza um momento vivido no XI Congresso Mineiro da Ordem DeMolay, realizado em 2007, em Diamantina. ·“Meu sonho era conhecer o Grande Fundador da Ordem Demolay no Brasil, Tio Mansur e graças ao Pai Celestial, eu realizei o sonho conhecendo também a Tia Célia”, afirmou o DeMolay na mensagem que acompanhou a fotografia.

Em sua avaliação, Jorge Mansur afirma que a presença de sua mãe na foto “representa a inclusão das mulheres e meninas no mundo que antes pertencia aos homens”. “Mais uma vez, mostrando ser uma pessoa adiante de seu tempo, pensou nas esposas dos maçons e das irmãs dos DeMolays que até aquele· momento estavam absolutamente esquecidas por uma Maçonaria machista e preconceituosa. É mais uma lição de sabedoria e humildade do papai que deve ficar com exemplo para sempre”, afirma.

O terceiro colocado foi o DeMolay, Jean Ferreira Fachin, que enviou uma foto tirada no Congresso Nacional da Ordem DeMolay, em 2010. “Eu e o Tio Sergio Luiz estávamos na twitcam com alguns DeMolays que não estavam no evento e de repente o Tio Mansur chega por lá e dá um recado a todos que nos assistiam. Primeira e única vez que estive com ele, mas que guardo com muito carinho”, destaca Fachin.

“Papai está ao lado de jovens que participavam de um ‘chat’ coisa que para ele ainda era muito distante. Mesmo assim, não se furtou a participar. Seu sonho era de ver uma Organização totalmente conectada através de seus membros· e cada vez mais fortificada e unida. E nada melhor para isso do que as ferramentas do mundo virtual”, explica Jorge Mansur, em sua avaliação.

De maneira geral, Jorge Mansur destaca que todas as imagens apresentam de forma variada um pouco da personalidade e das características de seu pai, Alberto Mansur. “Mostram também o empenho e a dedicação que ele teve pela Ordem DeMolay e o carinho especial por todos os jovens, independentemente de idade, posto ou qualquer outra coisa”, finaliza.

Crédito/Texto: Maycon Corazza